Reduzir a Pegada na Lavagem da Roupa

Image

Já uma vez falei aqui sobre medidas de lavar roupa sem prejudicar tanto o ambiente, dessa vez referia-me aos detergentes que existem e qual o mais indicado para um planeta mais sustentável. Hoje trago-vos mais um novo hábito bem simples e que pode ajudar em muito o ambiente, opte por lavar a roupa a frio ou a 30ºC em vez de grandes temperaturas, desta forma não só poupa energia, como danifica menos a sua roupa, o que o leva a poupar mais na sua carteira, pois necessita de comprar com menos frequência roupa nova e ainda ajuda a diminuir a sua pegada! 😀

Há outras dicas que também pode adoptar e que facilitam a limpeza, ajudam nas suas economias, tempo e, claro, o planeta:

  • Assim que fizer uma nódoa, lave/limpe o mais rápido que conseguir essa área antes que a nódoa seque
  • Leia sempre a etiqueta das roupas e respeite os cuidados a ter. Separe também a roupa por cor e tecido
  • Quando tiver nódoas secas, tente primeiro tirar a nódoa lavando à mão (não necessita gastar “rios de água” nesta tarefa) – Nesta tarefa, primeiro aplique o sabão e só depois a água, pois, quimicamente, as gorduras são apolares e a água é polar, se aplicar a água primeiro vai ter mais dificuldade em tirar a nódoa. Economize tempo, dinheiro e pegadas 😛
  • Encha sempre a máquina, mas claro, nunca em demasia, caso contrário a lavagem é mal efectuada e terá de repetir o ciclo – O ideal é após colocar a roupa toda na máquina, ponha a mão fechada sobre a roupa numa posição vertical, e desta forma o dedo mindinho tem de tocar na roupa e o polegar na parte superior do tambor. Se não tiver a tocar em ambos, ainda pode colocar mais roupa, se a mão não couber, então esvazie um pouco a máquina até esta caber de forma confortável e tocar em abas as extremidades roupa-tambor.
  • Nunca use detergente a mais, nem detergente a menos. Siga as indicações da embalagem do seu detergente, consoante a sujidade da roupa, capacidade da máquina e a dureza da água.
  • Se poder escolher a rotação, use sempre entre 800rpm (verão) e os 1000rpm (inverno). Tenha em atenção que quanto maior as rpm, não só a roupa sai mais seca como também sai mais enrugada. – Não esqueça de confirmar as etiquetas da roupa, pois há roupas que toleram menos rotações que outras.
  • Após a lavagem estenda o mais rápido que conseguir. Deixar a roupa molhada por estender durante muito tempo, permite a proliferação de bactérias devido à humidade, provocando assim um mau odor.
  • Sempre que possível opte por secar ao ar livre. Caso seja mesmo necessário usar a máquina de secar a roupa, então não se esqueça de agrupar os diferentes tecidos e colocá-los pela seguinte ordem, à vez, na máquina de secar: primeiro as roupas delicadas e no fim as roupas mais resistentes. Esta medida permite uma maior durabilidade à roupa e uma melhor eficiência na secagem da mesma, e claro efeitos directos numa menor pegada!
  • Tenha uma máquina adequada ao seu agregado familiar. Entre 1-4 pessoas, uma máquina de 6Kg chegará. Entre 4-6 pessoas uma máquina 7-8kg. Mais de 6 pessoas uma máquina com mais de 8kg de capacidade.

Claro, que como em tudo, à excepções, e lembre-se, quando tiver alguém doente em casa, separe a roupa e lave a roupa do doente à temperatura máxima que a etiqueta permita. Desta forma consegue uma maior eliminação de micróbios e ajuda a prevenir o contágio da infecção.

 

Adquira este novo hábito, lave a roupa a temperaturas baixas, separe-a, encha o tambor na medida certa, adeqúe a quantidade de detergente e seque ao ar livre!

Novo Ano, 12 Novos Hábitos a Alcançar!

Depois de dias absolutamente preenchidissimos, finalmente consegui arranjar um tempinho para os post’s 🙂

E que tal começar o novo ano com um novo hábito? ou melhor, porque não traçar 12 novos hábitos a realizar até ao fim de 2014?

Vou dar uma sugestão simples e que acaba por ser muito prática para o nosso dia-a-dia: ter um ecoponto em casa. Sim, fazer a separação do lixo é algo muito útil não só pelo ambiente, como também para o nosso dia-a-dia.

ecopontos

Por exemplo, o facto de ter os papéis separados do resto dos resíduos permite ir buscar algo que tenha colocado fora e revê-lo  em bom estado, isto é, nada entornado em cima, nem restos de comida, nem cheiros, tudo graças à separação do lixo. A mim já me aconteceu n vezes ter de ir buscar algo que tinha mandado fora, e por ter os lixos separados, não só os meus papeis estavam em bom estado, como ainda estavam por perto para os poder recuperar. Pois quando separamos o lixo, certos caixotes são esvaziados com muito menos regularidade que o caixote dos resíduos indiferenciados*.

Para quem ainda não abraçou a reciclagem, ou até mesmo para quem já a faz, aqui vos deixo os meus papéis de identificação de cada caixote, para facilitar todos lá em casa na correcta separação: SemPegadasNovosHabitos

Quais são os teus 12 novos hábitos que estás disposto a alcançar para um mundo sem pegadas?

Adquira este novo hábito, faça a reciclagem!

* são resíduos que não podem ser colocados em nenhum dos ecopontos existentes.

1918-2013

Esta semana o post veio mais cedo, infelizmente por uma triste razão, a morte de Nelson Mandela.

Um grande Homem, morreu, mas a sua vontade, os seus ensinamentos podem se manter bem vivos, depende de cada um de nós!

Muitos são os seus feitos, aqui vou deixar uma das frases ao qual o “Sem Pegadas-Novos Hábitos” se identifica:

Image

Descanse em Paz!

O lixo não desaparece com a mesma rapidez com que desaparece do nosso caixote

Image

Quantas vezes já pensou no destino dos seus resíduos?

Estamos todos tão habituados a colocar no caixote (infelizmente também há quem não conheça um caixote) e depois todo o nosso lixo é levado para longe, para bem longe das nossas vistas.

Acontece que “Nada se perde, tudo se transforma”, e a maior parte dos resíduos que produzimos têm uma longa duração de vida, pelo que até se transformarem/degradarem-se não só demora muito tempo, acumulando-se em diversos locais, como também ao longo deste processo vão libertando pequenas quantidades tóxicas. Além que muitos dos resíduos não têm o encaminhamento necessário/correcto e vão parar todos aos mesmos locais, afectando ainda mais a saúde e vida no planeta.

Deixo-lhe aqui os 10 locais mais tóxicos do planeta Terra, e desafio-o a pensar na quantidade de resíduos que gera diariamente e no encaminhamento que lhes dá.

Adquira este novo hábito, gere menos resíduos!

fonte da imagens: images.google.pt

Sensibilize a sua veia ambiental

Image

Com este tempo fresquinho o que apetece mesmo é um serão de filmes em casa, debaixo das mantas e com o balde de pipocas!

Assim, deixo-lhe este link que tem uma lista de 25 filmes e documentários sobre a sustentabilidade e o ambiente para o ajudar a passar os serões mais friorentos 🙂

> Se alguma vez viu um destes filmes, gostava de saber a sua opinião, que achou deles?

> Se nunca viu, veja e sensibilize a sua veia ambiental! Questione-se sobre o que viu e partilhe a sua opinião.

Adquira este novo habito, veja filmes que sensibilizem a sua veia ambiental e pense nas consequências das suas acções.

fonte da imagem: images.google.com

fontes: http://greensavers.sapo.pt/2013/11/16/os-25-melhores-filmes-e-documentarios-ambientais-de-sempre/

Já conhecem o site da Sociedade Portuguesa de Saúde Ambiental?

Hoje trago-vos um post diferente, pois não vou deixar nenhum hábito novo, vou apenas deixar-vos um site, o site da Sociedade Portuguesa de Saúde Ambiental.

Neste site podem encontrar informação sobre a qualidade do ar interior, o bisfenol-A, metais pesados, entre outras informações.

Se se interessam pelo Sem Pegadas, Novos Hábitos, certamente também vão gostar da SPSA.

A sua opinião importa!

Como a sua opinião importa e quero ajudar a ter uma opinião mais formada (para uma boa opinião sobre um determinado tema é importante estar bem informado sobre esse tema), para tal proponho ajuda-lo a chegar a informação até si. Diga-me que temas gostava de ver abordados e/ou o que achou dos post’s do mês anterior:

Efeitos na saúde de uma má qualidade do ar interior

Dizer não à discriminação

> O saber não ocupa lugar

Pratique os bons hábitos. Cuide de si, cuide de todos!

Obrigado pela sua colaboração!

Image

fonte da imagem: http://images.google.pt/

 

Pratique os bons hábitos. Cuide de si, cuide de todos!

Teve a par das notícias?

Uma das notícias desta semana foi sobre terem sido detectados resíduos mínimos de medicamentos e cafeína na água de Lisboa. Estes resíduos muitas vezes chegam à nossa água simplesmente pelas excreções do nosso organismo outras vez por gestos inconscientes como deitar medicamentos pela sanita, pode ver um destes exemplos aqui.

Após ter lido esta notícia considerei importante relembrar como todos os nossos gestos têm impacto na Natureza, e consequentemente, impacto em cada um de nós!

Adquira e pratique estes gestos: não deite nenhum lixo quer pela sua sanita, quer para o chão, e tente reciclar o máximo que conseguir. Com estes gestos estará a cuidar de si, dos seus, de todos!

Image